Existe uma segunda chance com Deus?

É o típico filme de ação: há 10 segundos antes da bomba explodir e milhares de pessoas são mortas, sem mencionar o herói honrado que tenta desarmar a bomba. O suor escorre do rosto do herói e os policiais tensos e outros atores prendem a respiração. Que fio precisa ser cortado? O vermelho? O amarelo? Mais quatro segundos. O vermelho! Mais dois segundos. Não, o amarelo! Snap! Há apenas uma chance de acertar. Por alguma razão, o herói sempre corta o fio certo no filme, mas a vida não é um filme. Você já sentiu que cortou o fio errado e de repente tudo parecia perdido? Acredito que se olharmos para a vida de Jesus, descobriremos se Deus dá uma segunda chance. Jesus foi (e é) Deus e sua vida e caráter refletem muito claramente o caráter de Deus Pai. Quando o discípulo Pedro veio a Jesus e perguntou a ele, quantas vezes eu tenho que perdoar meu irmão que pecou em mim? É o suficiente sete vezes? Jesus lhe disse: Eu não digo sete vezes, mas setenta vezes sete vezes (Mateus 18, 21-22).

Para entender o significado dessa conversa, é preciso entender um pouco a cultura deste tempo. Naquela época, os professores religiosos disseram que se deve perdoar uma pessoa que fez o mal três vezes. Depois disso, você não precisa mais. Pedro achava que ele era uma pessoa muito justa e que Jesus ficaria impressionado com sua resposta a perdoar uma pessoa sete vezes. Mas Jesus não ficou impressionado com isso, mas deixou claro para Pedro que ele não havia entendido o conceito de perdão. Quando perdoar, não se trata de contar, porque então você não perdoa alguém com todo o seu coração. Quando Jesus disse que alguém deveria perdoar setenta vezes sete vezes, ele não quis dizer 490 vezes, mas que alguém deveria perdoar infinitamente. Este é o verdadeiro caráter e o verdadeiro coração de Jesus e também de Deus porque Jesus, Deus o Pai e o Espírito Santo são um. Não apenas no ser, mas também no caráter - isso é parte da Trindade de Deus.

As oportunidades perdidas?

Eu conheci pessoas que realmente acreditam que pecaram com muita frequência e que Deus não pode mais perdoá-las. Eles sentem que perderam suas chances com Deus e não podem mais ser salvos. Mais uma vez, a vida e as obras de Jesus falam muito: Pedro, o amigo mais confiável de Jesus, nega-o publicamente três vezes (Mateus 26,34:56, 69, 75) e, no entanto, Jesus o alcança e o perdoa e o ama. Acredito que essa experiência foi uma experiência fundamental em muitas áreas da vida de Peter. Ele se tornou um dos seguidores mais fiéis e influentes de Jesus e o líder de sua igreja. Outro exemplo impressionante do verdadeiro perdão de Deus é que, embora ele tenha morrido na cruz com dores excruciantes, Jesus perdoou de todo o coração os responsáveis ​​por sua morte, mesmo quando eles ainda estavam zombando dele. Pense nisso por um momento. É um amor e perdão verdadeiramente divinos, verdadeiramente divinos, que somente Deus pode dar, ao contrário do entendimento geral de crentes e não crentes, Deus não está atrás de você. Não é a grande coisa inatingível que fica no céu e está apenas esperando por você, se cometer um erro. Isto não é Deus, mas nós somos seres humanos. Isso faz parte do nosso caráter e não dele. Somos nós que registramos as injustiças que aconteceram conosco e não a Deus. Somos nós que paramos de perdoar e terminar relacionamentos, e não Deus.

Podemos encontrar numerosos exemplos na Bíblia em que Deus expressa seu amor por nós e seu desejo por nós. Quantas vezes ele nos promete: não quero deixar você e não quero deixar você (Hebreus 13:5). O desejo de Deus por nós é que não estejamos perdidos, mas que todas as pessoas sejam salvas. O que é realmente maravilhoso é que Deus e Jesus não apenas pronunciaram essas belas palavras, mas também viveram tudo o que disseram durante a vida de Jesus. Deus agora dá uma segunda chance?

A resposta é Não - Deus não apenas nos dá uma segunda chance, mas é perdoado repetidas vezes. Fale com Deus regularmente sobre seus pecados, erros e ferimentos. Mantenha seus olhos nele e não em onde você acha que está perdendo. Deus não conta os seus erros. Ele continuará a nos amar, a nos perdoar, a estar conosco e a nos agarrar, não importa o que aconteça. Encontrar alguém que nos dê uma segunda chance - até mesmo diariamente - não é fácil, mas Jesus nos oferece ambos.

de Johannes Maree


pdfExiste uma segunda chance com Deus?