PENSAMENTOS DE JOSEPH TKACH


Com um novo coração para o novo ano!

331 com um novo coração no ano novo John Bell teve a oportunidade de fazer algo que, esperançosamente, a maioria de nós nunca será capaz de fazer: segurar o próprio coração nas mãos. Há dois anos ele foi submetido a um transplante de coração, que deu certo. Graças ao programa Heart to Heart no Baylor University Medical Center em Dallas, ele agora era capaz de segurar nas mãos o coração que o manteve vivo por 70 anos antes de ter que ser substituído. Esta história incrível me lembra do meu próprio transplante de coração. Não foi um transplante de coração "físico" - todos os que seguem a Cristo viram a versão espiritual deste processo. A realidade brutal de nossa natureza pecaminosa é que ela causa morte espiritual. O profeta Jeremias declarou claramente: “O coração é desafiador e desanimado; quem pode imaginar isso Üs: é uma doença terminal]? ”(Jer. 17,9).

Quando confrontado com a realidade de nossa "função cardíaca" espiritual, é difícil imaginar que ainda temos esperança. Nossa chance de sobrevivência é zero. Mas uma coisa maravilhosa acontece para nós: Jesus nos oferece a única chance possível para uma vida espiritual: um transplante de coração bem no fundo de nossa ...

Leia mais ➜

Deus nunca deixa de nos amar!

300 Deus nunca pára de nos amar

Você sabe que a maioria das pessoas que acredita em Deus tem dificuldade em acreditar que Deus os ama? As pessoas acham fácil imaginar Deus como Criador e Juiz, mas é muito difícil ver Deus como Aquele que as ama e se importa profundamente com elas. Mas a verdade é que nosso Deus infinitamente amoroso, criativo e perfeito não cria nada que se oponha a ele, que está em oposição a si mesmo. Tudo o que Deus cria é bom, uma perfeita manifestação no universo de sua perfeição, criatividade e amor. Onde quer que encontremos o oposto - ódio, egoísmo, ganância, medo e medo - não é porque Deus fez as coisas assim.

O que é mal além da perversão de algo originalmente bom? Tudo o que Deus criou, incluindo nós humanos, foi extremamente bom, mas é o abuso da criação que produz o mal. Ela existe porque usamos a boa liberdade que Deus nos deu da maneira errada, para nos afastarmos de Deus, a fonte de nosso ser, ao invés de nos aproximarmos dela.

O que isso significa para nós pessoalmente? Simplesmente isto: Deus nos criou das profundezas de seu amor altruísta, de seu suprimento ilimitado de perfeição e ...

Leia mais ➜